Uma viagem genética: T.H.Seeds, dos EUA para o mundo

Imagem mostra o catálogo da T.H Seeds.

Finalmente, a T.H.Seeds e suas estirpes diferenciadas desembarcam no Brasil, representadas pela Flora Urbana. E o que dizer sobre essa gigante do universo canábico que conquistou seu lugar ao sol como uma das melhores produtoras de sementes do mercado?

Vamos rebobinar a fita e voltar lá para o ano 1993. Foi nessa data que Adam ‘Sagemasta’ Dunn e seu amigo Doug fundaram a C.I.A. (Cannabis in Amsterdam), uma loja de sementes que logo ganhou fama na comunidade europeia. O local foi até mencionado pelo autor Robert C. Clarke como “o epicentro do universo da cannabis”. E, de fato, essa loja foi uma fonte de genéticas inovadoras desde o início.

Mesmo as primeiras cepas T.H.Seeds eram instigantes e apresentavam características únicas na época. Nos anos 90, as plantas holandesas baseavam-se em genéticas como Skunk, Northern Lights ou Shiva — todas de alta qualidade, mas com pouca diversidade. A T.H.Seeds foi pioneira em levar relíquias dos Estados Unidos para o mercado europeu. A lendária Bubblegum é uma delas, conhecida como SAGE, ou Sativa Afghani Genetic Equilibrium.

Leia também – Regular, automática, fast flowering: entenda as diferenças entre os tipos de sementes

Para descrever sua filosofia, os caras decidiram pegar emprestado e adaptar o lema da polícia dos EUA: “Proteger a genética e servir à humanidade”. Sua equipe dedicada, e focada em qualidade, sabor e potência, levou a marca ao topo. A ideia de unir a genética tradicional com novas cepas americanas resultou em icônicos como Purple Banana Cream, Black Apple Hitchcock, Pisthash, Bubblebananagum, Mont Blanc, Melonicle e Banana Candy Krush. Além da S.A.G.E.™ CBD, uma cepa medicinal de altíssima qualidade. Hoje, mais de 25 anos depois, eles podem afirmar que cumpriram a promessa ao pé da letra.

Durante décadas, foram presença marcante na famosa High Times Cannabis Cup, o maior evento anual para amantes da erva em todo o mundo. Com sua vibe divertida, a T.H.Seeds levava diferentes atrações para o festival, como o desafio Trichome Bong Hit e o Weed LeafBlower de 2005 — um verdadeiro evento hotbox histórico. Sempre tão populares, muitas vezes eram outros estabelecimentos ou produtores que inscreviam suas genéticas em competições internacionais, garantindo seu lugar no pódio. Não é surpresa que eles levem para casa um prêmio HTCC praticamente todos os anos, graças à qualidade imbatível de suas variedades.

Nos últimos tempos, rolou uma nova onda de importações dos EUA invadindo o mundo genético europeu, e a T.H.Seeds não ficou de fora dessa. Com nomes como Kushage, Strawberry Glue, French Cookies e Chocolate Chunk, dá pra perceber a influência americana, né?

Mas seja uma variedade clássica ou uma novinha em folha, uma coisa é certa: a T.H.Seeds é sempre uma escolha inteligente. E como tudo que é bom pode ser ainda melhor, ela agora está no Brasil, sendo representado exclusivamente pela Flora Urbana.

Leia também:

Quais são as genéticas mais famosas do mundo?

mm

Sobre Flora Urbana

A Flora Urbana 420 é um portal onde os cultivadores iniciantes e especialistas podem escolher suas opções com total confiança entre marcas reconhecidas no mundo todo. Visite a Flora Urbana. Autocultivo é o caminho.
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!