Goiânia é palco da 12ª edição da Semana pela Legalização

Foto, em plano fechado, do topo de uma planta de maconha com vários pistilos amarelos concentrados onde será desenvolvido o bud. Imagem: Unsplash / Esteban Lopez.

Evento anual fomenta o debate sobre a necessidade de regulamentação da maconha e o uso medicinal da planta

Chamando a atenção da sociedade para a necessidade de uma reforma da lei de drogas, o coletivo Mente Sativa realiza em Goiânia a 12ª edição da “Semana pela Legalização” entre os dias 2 e 8 de outubro. Além de uma série de atividades que ocorrem durante a semana, o último dia da programação conta ainda com a realização da Marcha da Maconha na capital goiana.

Na segunda-feira, houve o Cine-Debate no Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro. Ontem (3), aconteceu no mesmo local uma roda de conversa com mães de pacientes de cannabis. E nesta quarta (4) a Assembleia Legislativa de Goiás realiza uma audiência pública sobre os desafios, modelos de regulamentação e acesso ao tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) relacionados à maconha.

Promovida pelo deputado Mauro Rubem (PT) em parceria com a Marcha da Maconha, a audiência pública conta com a presença da advogada e coordenadora do Mente Sativa Kelly Cristina Gonçalves, o sociólogo Marcelo Soldan, o militante do Movimento de Direitos Humanos Fabrício Rosa, a educadora canábica Luna Vargas, a professora da Universidade Federal de Goiás (UFG) Abadia dos Reis Nascimento, o promotor do Ministério Público de Goiás Mário Caixeta e o defensor público Tairo Esperança.

Leia também: Goiânia: projeto sobre incentivo à pesquisa com cannabis volta a tramitar na Câmara

Amanhã (5), a programação segue com uma roda de conversa com a Psicologia da UFG no miniauditório da Faculdade de Educação da universidade, a partir das 15 horas, e um encontro aberto com o Comitê de Direitos Humanos Dom Tomás Balduíno para uma discussão sobre a descriminalização da maconha, que ocorrerá às 18h30 na Praça Doutor Pedro Ludovico Teixeira (Praça Cívica).

Já na sexta-feira (6) a semana conta uma edição especial da Batalha do Maranhas, tradicional roda de rap que reúne os principais MCs e DJs de Goiânia, na Praça Universitária da UFG.

O sábado (7) recheia a programação com dois eventos: um campeonato de skate, às 15h na praça do Centro Cultural Martim Cererê, e um Encontro Canábico, marcado para às 20h no Shiva alt-bar.

A Marcha da Maconha Goiânia fecha a semana pela legalização no domingo (8) — com concentração na Praça Universitária, a partir das 14h, o ativismo canábico sairá em marcha pelas ruas da capital goiana até o Beco da Codorna (Av. Anhanguera, Centro), onde acontecerá a 1º edição da Batalha Sativa.

“E lembre, para apoiar, não precisa usar! Vamos fazer parte desse movimento que valoriza a saúde, a vida da periferia e a cultura milenar cannabica!”, convidam a sociedade os organizadores.

A Semana pela Legalização ocorre desde 2011 em Goiânia e tem se dedicado a fomentar o debate em torno das mazelas sociais decorrentes da proibição, como o financiamento do crime organizado e o superencarceramento, e estimular a discussão sobre o uso medicinal da maconha.

Leia também:

Goiás: Assembleia Legislativa recebe simpósio sobre cultivo de cannabis no cerrado

Imagem de capa: Unsplash / Esteban López.

 

mm

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. http://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!