Cannabis pode reduzir a pressão arterial em idosos, mostra estudo

Fotografia que mostra dois buds de cannabis dentro de uma tigela branca, com desenho indiano em tinta preta no fundo, e parte de um objeto redondo preto, no primeiro plano, fora de foco. Crédito: Troy T | Unsplash.

Pesquisadores israelenses descobriram uma redução significativa nos valores da pressão arterial em 24 horas após a ingestão ou consumo fumado da planta. As informações são do News Medical

Uma nova descoberta feita por pesquisadores da Universidade Ben-Gurion do Neguev (BGU) e seu afiliado, o Centro Médico Universitário Soroka, mostra que a cannabis medicinal pode reduzir a pressão arterial em adultos mais velhos.

O estudo, publicado no European Journal of Internal Medicine, é o primeiro de seu tipo a se concentrar no efeito da cannabis na pressão arterial, frequência cardíaca e parâmetros metabólicos em adultos com 60 anos ou mais com hipertensão.

Maconha melhora alguns fatores de risco de ataque cardíaco, mas pode ser prejudicial para pacientes cardíacos, dizem estudos

“Os idosos são o grupo de usuários de cannabis medicinal de crescimento mais rápido, mas as evidências sobre a segurança cardiovascular para essa população são escassas. Este estudo é parte de nosso esforço contínuo para fornecer pesquisa clínica sobre os reais efeitos fisiológicos da cannabis ao longo do tempo” — Dr. Ran Abuhasira, Faculdade de Ciências da Saúde da BGU e Instituto de Pesquisa Clínica sobre Cannabis Soroka.

 

 

 

Os pacientes foram avaliados por meio de monitoramento ambulatorial da pressão arterial por 24 horas, ECG (eletrocardiograma), exames de sangue e medições corporais — antes e três meses após o início da terapia com cannabis.

No estudo, os pesquisadores descobriram uma redução significativa nos valores da pressão arterial sistólica e diastólica em 24 horas, com o ponto mais baixo ocorrendo três horas após a ingestão por via oral de extratos de maconha ou consumo fumado da planta. Os pacientes apresentaram redução da pressão arterial durante o dia e a noite, com alterações mais significativas à noite.

Leia mais: Cannabis melhora qualidade de vida de pacientes idosos com Alzheimer e Parkinson

Os pesquisadores da BGU teorizam que o alívio da dor, a indicação para prescrição de cannabis na maioria dos pacientes, também pode ter contribuído para a redução da pressão arterial.

“A pesquisa da cannabis está em seus estágios iniciais e a BGU está na vanguarda da avaliação do uso clínico com base em estudos científicos”, disse Doug Seserman, diretor executivo da AABGU (American Associates, Ben-Gurion University of the Negev). “Este novo estudo é um dos vários que foram publicados recentemente pela BGU sobre os benefícios medicinais da cannabis”.

Leia também:

Benefícios da cannabis medicinal para diabéticos

#PraCegoVer: em destaque, fotografia que mostra dois buds de maconha dentro de uma tigela branca, com desenho indiano em tinta preta no fundo, e parte de um objeto redondo preto, no primeiro plano, fora de foco. Crédito: Troy T | Unsplash.

mm

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. http://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!