Governo do Acre sanciona lei que garante distribuição gratuita de produtos de cannabis pelo SUS

Fotografia mostra a ponta de um conta-gotas vertendo óleo acima de um frasco âmbar sem tampa, e comprimidos, flores e outros vidros sobre uma superfície amarela, que fecham a composição no segundo plano, em pior foco. Foto de Nataliya Vaitkevich no Pexels. Acre

O governador do Estado do Acre, Gladson Cameli (PP), sancionou nesta quinta (13) a lei que estabelece a política estadual de fornecimento gratuito de medicamentos à base de cannabis

A medida, aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado do Acre, de autoria do deputado estadual do Marcus Cavalcante, tem como objetivo garantir o acesso a tratamentos com canabidiol (CBD) e outros compostos canabinoides, como o tetrahidrocanabinol (THC), para pacientes portadores de doenças que possam se beneficiar.

De acordo com nota publicada no site do governo estadual, a nova lei, que entra em vigor noventa dias após sua publicação, estabelece que o fornecimento gratuito dos medicamentos à base de cannabis será realizado pelo Poder Executivo, por meio das unidades de saúde pública estaduais e privadas conveniadas ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Leia também: “Não me adaptei ao óleo de cannabis. O que fazer?”

O secretário de Saúde, Pedro Pascoal, destacou a importância da lei para a população acreana e disse que essa medida representa um avanço significativo na área da saúde, proporcionando tratamento adequado e gratuito a pacientes que necessitam do uso de medicamentos à base de cannabis.

“Estamos comprometidos em seguir os parâmetros estabelecidos pela [Agência Nacional de Vigilância Sanitária] Anvisa e garantir que o fornecimento seja realizado de forma segura e eficaz. Além disso, buscaremos disseminar informações sobre a medicina canábica, promovendo um debate público esclarecedor e capacitando nossos gestores para melhor atender às necessidades da população”, frisou.

 

 

 

O principal intuito da política instituída é adequar o uso da cannabis medicinal aos padrões de saúde pública do Estado do Acre, levando em consideração estudos e referências internacionais. A nova lei também estabelece objetivos específicos, entre eles o diagnóstico e tratamento de pacientes que possam se beneficiar com a cannabis medicinal, promovendo políticas públicas de debate e fornecimento de informações sobre o uso da medicina canábica. Serão realizadas palestras, fóruns, simpósios, cursos de capacitação de gestores e outras atividades para disseminar o conhecimento sobre os benefícios da cannabis medicinal. Para efeitos desta lei, serão adotadas as definições e parâmetros da Anvisa.

Leia também:

Ricardo Petraglia lança campanha para incluir o cultivo pessoal de maconha no PL 89/2023

Foto de capa: Nataliya Vaitkevich | Pexels.

mm

Sobre Smoke Buddies

A Smoke Buddies é a sua referência sobre maconha no Brasil e no mundo. Aperte e fique por dentro do que acontece no Mundo da Maconha. http://www.smokebuddies.com.br
Deixe seu comentário
Assine a nossa newsletter e receba as melhores matérias diretamente no seu email!